Bebé nascido em pleno voo recebe nome da companhia aérea

The lower deck of the Emirates A380 is configured for economy class, with a capacity of 399 seats.

Porque é que escolheu este ou aquele nome para o seu bebé? Talvez porque gostou muito, ou os seus pais gostavam, ou até era o nome de um parente próximo, ou de alguém conhecido que o inspirou? Ou se calhar foi o nome de uma companhia aérea? Apesar de aparentemente parecer estranho, foi o que aconteceu.

Uma mulher que deu à luz num voo da companhia aérea Emirates, nos inícios deste mês, informou que o seu filho recebeu o nome, a pensar na companhia aérea onde nasceu.

Ela viajava pela Emirates desde o Dubai para Manila quando entrou em trabalho de parto, de acordo com a Emirates 24-7.

E sendo que deu à luz no avião, este foi desviado para Ho Chi Min City, disse a companhia aérea em comunicado.

A GulfNews.com informou que o bebé nasceu na casa de banho do avião, e que duas enfermeiras das Filipinas acorreram na ajuda do nascimento, ajudando a aspirar líquido amniótico da boca, nariz e orelhas do bebé.

Agora a mãe do bebé ficou tão agradecida que deu o nome de EK ao rapaz, que é o código de voo da Emirates.

A mãe e o bebé foram transferidos para o hospital quando aterraram, sendo que a mãe já teve alta, mas o bebé mantém-se sob cuidados críticos.

Mas EK está longe de ser o primeiro bebé a nascer em pleno voo, já que em abril, um rapaz nasceu no caminho entre Atlanta e África, com a ajuda de uma hospedeira.

Em 2011, um bebé nasceu nas Philippine Airlines na rota de Manila para San Francisco. Esse bebé, foi também, um rapaz.

Também em 2011, uma mulher deu à luz um rapaz num voo da Alitalia que viajou entre Milão e Paris.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here