Cidade de Pedra – ruas sinuosas, mesquitas e grandes casas árabes, na Tanzânia

stone town view tanzania

.märt

A Cidade de Pedra, ou Mji Mkongwe, em língua suaíli, é a zona mais antiga da cidade de Zanzibar e situa-se na costa oeste de Unguja, a ilha principal de Zanzibar que pertence à República da Tanzânia na Africa Oriental. A cidade foi edificada com o objetivo de proteger e abrigar a capital do sultão de Zanzibar durante a segunda metade do século XIX.

carregue no play para ver fotos

Nos últimos 200 anos, a Cidade de Pedra sofreu poucas ou nenhumas alterações. Atualmente mantém as ruas sinuosas, as mesquitas e as grandes casas árabes, onde os donos competiam entre si pelas maiores extravagâncias nas habitações.

A Cidade de Pedra é, desde 2000, Património Mundial da UNESCO. A maioria dos edifícios foi construída no século XIX, época em que a ilha de Zanzibar era um dos principais centros comerciais do Oceano Pacífico.

Dos imensos edifícios dignos de uma visita, salienta-se a Casa das Maravilhas. Construída em 1883 como palácio cerimonial do Sultão Barghash, é um enorme edifício rodeado por filas de pilares e varandas. No seu cimo possui uma torre de relógio e foi a primeira casa a ter luz elétrica.

Próximo da Casa das Maravilhas encontra-se o Forte Árabe, um edifício com paredes altas e com ameias no topo (abertura, no parapeito das muralhas de um castelo ou fortaleza, por onde os defensores visavam o inimigo). Foi construído entre 1698 e 1701 pelo clâ Busaidi de Omã.

A Casa de Livingstone, é outro edifício que merece referência. Foi construída por volta de 1860 pelo sultão Majid, e era utilizada por vários missionários e exploradores como ponto de partida das suas viagens por África. O nome deve-se ao facto do célebre explorador, Dr. David Livingstone, ter residido ali antes de realizar a última viagem ao interior do continente Africano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here