Desempenho de viagens na Europa excedeu expectativas em 2012

visit_europe_589

A Comissão Europeia de Viagens acaba de publicar o seu último relatório trimestral sobre o turismo na Europa em 2012 – tendências e perspetivas. Apesar do clima económico negativo persistente na zona do euro as expectativas foram excedidas, com um crescimento relatado pela maioria dos destinos estabelecidos e emergentes na Europa.

Após um ano de forte crescimento (+7% em 2011), em 2012 verificou-se um crescimento de 4% nas viagens para a Europa. A Comissão Europeia de Viagens espera uma subida mais modesta em 2013 mas com uma contribuição positiva para a melhoria das economias frágeis na Europa.

Um número crescente de europeus também optou por viajar dentro das fronteiras regionais, consistente com o comportamento observado em períodos de debilidade económica. O turismo continua a ser um dos poucos setores económicos em constante crescimento nas economias frágeis na Europa.

Em sintonia com as tendências mundiais, destinos emergentes lideram o crescimento. Islândia (+20%), Lituânia (+12%) e Roménia (+10%) lideraram o ranking. Um crescimento saudável também foi relatado pelos maiores destinos europeus como a Alemanha (+8%), Espanha (+5%) e Áustria (+5%).

O rejuvenescimento da economia nos principais mercados de longa distância contribuiu positivamente para a ascensão de chegadas internacionais para a Europa. A maioria dos destinos europeus relata um robusto crescimento do mercado dos EUA, juntamente com uma forte recuperação dos viajantes japoneses após os eventos de 2011.

Entre os mercados europeus de saída, a Rússia continua a ser o mercado que mais cresce. Viagens da Alemanha e Holanda, para outros destinos europeus também aumentaram em 2012.

As consequências da crise financeira ainda vão pesar sobre o crescimento e o desempenho de muitos países na Europa durante este ano, mas o turismo pode atuar como um mecanismo para o desenvolvimento da economia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here