21/01/2017

Havana – capital de Cuba, ponto do Rum, Salsa e as Praias e Resorts

Publicado em 04/05/2013 por em América Central

Foto de edifícios do centro de Havana.

Stephen Colebourne

A cidade de Havana, capital de Cuba é um dos destinos turísticos mais procurados das Caraíbas, localizando-se na zona oeste do país, Havana é a cidade maior de Cuba e uma das mais populosas, com mais de dois milhões de habitantes.

O clima é tropical, temperaturas que variam entre os 22-28ºC, e existem praticamente duas estações: a época seca, de Novembro a Abril, e a época das chuvas, de Maio a Outubro.

Foto da cidade e mar de Havana, Cuba.

Stephen Colebourne

Em Havana poderá visitar o Havana Club Rum Factory onde são produzidos os runs mais famosos de Cuba. A marca Havana Rum, dedicada ao mercado de exportação tem como emblema o Giraldilla, uma estátua que simboliza a cidade de Havana. Existem também outras marcas que têm vindo a conquistar terreno no mercado internacional, como a Mulata, Caney, Arecha, Legendario, Varadero, Santero ou Caney.

Foto de garrafas dentro de pipos no Rum Factory de Havana.

Brian Shrader

Não se esqueça de aproveitar para visitar em Havana, a Plaza de la Revolución e a Catedral de San Cristobal.

Santiago de Cuba, a segunda maior cidade de Cuba, onde nasceram os maiores músicos do país, também deverá merecer a sua atenção. Outras das cidades mais populosas são Varadero, Holguin, Trinidad, Santa Clara, Cienfuegos, Sanci Spiritus ou Camaguey.

Na cultura cubana rum, salsa e mambo estão sempre presentes.

Quase todos os restaurantes e hotéis da cidade têm música ao vivo onde poderá desfrutar também de bebidas típicas como o Cuba livre (rum e cola) e o conhecido Mojito (rum, limão, açúcar amarelo e hortelã).

Praias

A duas horas de autocarro do centro de Havana, encontra-se a Riviera de Havana – Varadero, 20 quilómetros de praias e resorts tão procurados pelos turistas, na costa norte de Cuba. Varadero tem o seu próprio aeroporto.

Vai poder deliciar-se com praias de areia branca, águas límpidas de cor azul turquesa, e as características palmeiras.

Grutas, lagoas interiores ou enseadas esperam por um mergulho. Poderá ainda praticar snorkeling (usar uma máscara, barbatanas e um tubo para respirar sob a água e deste modo apreciar toda a fauna e flora), navegação ou vela. No dia em que se cansar da praia, poderá visitar as cidades de Cárdenas, Matanzas, o Balneario de San Miguel de los Baños e a Península de Zapata.

Foto de areia e mar na praia de Varadero em Havana.

Sidless

Para os locais, estas praias são conhecidas como as Praias del Este, sendo a praia de Santa Maria del Mar a mais apreciada.

Mas Cuba é muito mais do que Varadero. Os 7000 quilómetros de costa proporcionam-lhe mais de 300 praias para escolher. Poderá optar por praias mais isoladas e mais sossegadas, que mantém a mesma beleza natural.

Destaca-se a praia Ancón, localizada na cidade colonial de Trinidad, na costa sul de Cuba. Três quilómetros de areia branca e fina prometem mais sossego e silêncio para quem quer fugir às praias mais populosas.

Outra das que não vai querer perder é a praia Pilar, situada na costa norte de Cuba, no paraíso Cayo Guillermo. Uma praia tropical para quem quer relaxar com alguma serenidade. Não se esqueça de provar os célebres mojitos e pina coladas.

Tem ainda a praia Paraíso, na pequena ilha de Cayo Largo, na costa sul de Cuba, com algumas das águas mais calmas. E para o caso de se cansar de praias de areia branca, poderá ainda dar um salto a Baracoa, no leste de Santiago de Cuba, onde encontrará areia mais escura e como paisagem uma verdejante floresta, ideal para um banho de sol.

A norte de Cuba encontra-se as Bahamas, outro paraíso das Caraíbas com praias de águas quentes e cristalinas.

Cayo Levisa em Pinar del Rio e Marea del Portillo, em Granma, são outras duas praias a visitar.

Desporto

Para os amantes de desporto também há muito por onde escolher.

Na marina Hemingway, a 20 minutos a sudoeste de Havana, é possível alugar barcos para ir pescar, fazer mergulho ou snorkel.

A 25 quilómetros de Havana, no Parque Escaleras de Jaruco é possível andar a cavalo e fazer várias caminhadas.

Foto de riacho e árvores em Havana.

Stephen Colebourne

Se gosta mais de ser um espectador do desporto, poderá assistir a basebol no Estadio Latino-americano ou na Universidade de Havana, no Estadio Juan Abrahantes.

A Universidade de Havana, criada em 1728 por frades dominicanos, é uma das mais antigas do país e também da América Latina. Ganhou a identidade laica em 1842. O Estado nacionalizou todas as universidades que são públicas até hoje depois da revolução de 1959. A Universidade conta atualmente com mais de 60 mil estudantes, distribuídos por 18 faculdades.

Pontos turísticos

Terá de visitar o lendário Castillo de San Pedro de la Roca, também conhecido por Castillo de El Morro, localizados na cidade de Santiago de Cuba. Erguido em 1589 para proteger o importante porto de Santiago de Cuba, acabou por ser declarado Património Mundial da UNESCO em 1997.

Se tiver oportunidade visite Viñales, a cerca de 180 quilómetros de Havana. Um pequeno povoado rural, onde poderá apreciar as montanhas e estar de perto com a natureza para relaxar. Irá encontrar plantações de tabaco, considerado por muitos especialistas o melhor do mundo. O ambiente e a paisagem vão deixá-lo maravilhado.

O Vale de los Ingenios, situado na cidade Trinidad, é outra das atrações que não irá querer perder. Esta área inclui mais três vales – San Luis, Santa Rosa e Meyer. Vai encontrar as ruínas de várias refinarias de açúcar que restam do esplendor da indústria açucareira cubana que se iniciou no século XVIII.

Mausoleo Che Guevara

Giåm

Deve visitar também o Mausoleo Che Guevara, um memorial localizado em Santa Clara. Nele irá encontrar os restos mortais do revolucionário marxista, Ernesto Guevara, e de mais alguns dos seus companheiros mortos em 1967, durante a tentativa estimular uma insurreição armada na Bolívia.

Não se esqueça ainda de ir à La Havana Vieja, onde vai encontrar grandes monumentos antigos, desde fortalezas, conventos, igrejas, palácios e muito mais.

A Catedral de Saint Christopher de La Havana, iniciada em 1748 pelos jesuítas, apresenta uma fachada barroca e uma das suas torres é visivelmente maior, o que cria uma agradável assimetria. Os dois sinos altos da torre ou o material da construção utilizado, como corais, é algo que poderá apreciar.

Por fim, não irá querer deixar de visitar Cienfuegos, localizado no litoral sul da região central de Cuba. Vai encontrar ruas perfeitamente desenhadas, conjugadas com várias construções e outros elementos de alto valor arquitetónico, revelando o esplendor de uma grande cultura cosmopolita.

Texto escrito de acordo com o novo acordo ortográfico.

Onde fica?

Tags: , , , , , , , , , , , ,

Trackbacks/Pingbacks

  1. Planeie a sua viagem às Caraíbas: que ilha visitar? | guia + viagens - 03/12/2015

    […] cidade de Havana em Cuba, desfrute de concertos gratuitos ao ar livre, dance ao som de ritmos latinos e beba um copo […]

Deixe-nos o seu comentário

Terá que preencher todos os campos obrigatórios. Utilize palavras adequadas. O seu e-mail não será publicado.

Poderá utilizar Gravatar.

Poderá utilizar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Obrigado pela sua visita!
Não quer subscrever a nossa newsletter? É grátis!
guia + viagens - Receba no seu e-mail ideias e inspiração para as suas viagens.
Não mostrar mais