Kathmandu – palácios e templos no Nepal

IMG_1396

Easternblot

Na região mais bonita do sub-Himalaia, localiza-se Kathmandu, a capital do Nepal. É a maior cidade, situa-se no centro do país e tem aproximadamente 1500 metros de altitude. A cidade foi fundada em 723 pelos Neuaris, os habitantes do único reino Hindu no mundo. Atualmente Kathmandu tem aproximadamente 670 mil habitantes.

carregue no play para ver fotos

Na capital, encontra-se o fantástico vale de Kathmandu, património da Humanidade, que carrega consigo 1500 anos de história e uma magnífica criação artística, devido à salutar convivência entre o hinduísmo e o budismo, que competiram entre si para nos deixarem esta maravilhosa herança cultural.

Um dos locais de passagem obrigatórios é a Praça real ou Durbar Square, o centro monumental da cidade, com aproximadamente 50 monumentos que se desdobram entre palácios e templos, onde se destacam o templo de Kasthmandap construído no século XVI e que deu origem ao nome da cidade, o templo de Narayan construído em veneração ao senhor Vishnu pelos hindus e o mais antigo templo do Nepal, o Palácio real, Hanuman Dhoka, um complexo de estruturas iniciado no século XVI, e concluído no século XVIII, o Kumari Bahal que é a residência da deusa viva da cidade.

O Templo do Macaco ou o Stupa Swayambhunath, é um templo budista de visita obrigatória, situa-se no cimo da colina do Vale de Kathmandu, pelo que é necessário subir 330 degraus, no entanto, verá que vale a pena, pois vai deslumbra-se com a excelente construção budista.

A lenda diz que Buda pregou a sua doutrina no século VI a.C.. Nas quatro paredes do templo estão pintados os olhos do mestre, na direção dos quatro pontos cardeais.

Kathmandu é um local excelente para ser visitado por muitos turistas e desde a década de 60, também é um local muito apreciado pelos hippies e montanhistas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here