O cante do Alentejo já é património mundial

cante

A UNESCO deu hoje a aprovação.

Os membros da UNESCO foram “unânimes sobre a qualidade desta candidatura” e consagraram o cante do Alentejo como património mundial.

O nosso país foi convidado a “intervir para partilhar a sua alegria” e os 21 membros do Grupo Coral e Etnográfico da Casa do Povo de Serpa subiram ao palco com os seus trajos rurais, chapéus pretos e cajados e cantaram e encantaram. Aliás, muitas foram as pessoas que quiserem registar este momento em vídeo.

Deste modo, esta é já a terceira consagração internacional da UNESCO a Portugal. A primeira foi o fado (2011) e depois a dieta mediterrânica (2013). .

Segundo o cantor Vitorino “o fado é muito solitário e individual. O cante é uma expressão colectiva – ele implica entre 18 e 30 vozes. É inclusiva. É muito atenta ao movimento social.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here