24/01/2017

O Porto é considerado um “caso de sucesso” turístico

Publicado em 31/10/2014 por em Notícias

porto_1

O presidente do Turismo de Portugal destacou positivamente o turismo no Porto.

Segundo João Cotrim de Figueiredo, presidente do Turismo de Portugal, “o Porto conseguiu impor-se como destino turístico num país onde já existem três regiões turísticas com algum desenvolvimento [Algarve, Lisboa e Madeira], oferecendo um atrativo completamente diferente do que já existe”.

O responsável salientou ainda que o número de visitantes, principalmente estrangeiros, tem crescido a “níveis impressionantes” no Norte do país.

Ainda segundo João Figueiredo, o Porto é um grande destino turístico ” porque tem um carácter autêntico e não pretende ser mais do que aquilo que é, gerando nos turistas uma sensação de genuinidade e de reencontro com o tempo de consumo menos ostentativo”.

O presidente adiantou ainda que nos últimos três anos, cerca de um terço dos apoios turísticos foram canalizados para o Porto.

Além disso, o “Porto está na moda e é um destino `sexy´” e é o segundo destino regional que regista uma maior taxa de crescimento.

Quanto a números, no primeiro semestre de 2014 foram registadas 1.183.800 dormidas de turistas estrangeiros, o que representa um aumento de 15,8% face ao período homólogo. Espanha, França, Brasil, Alemanha e Reino Unido são os países de onde provêm a maior parte dos turistas.

Texto escrito de acordo com o novo acordo ortográfico.

Tags: , , , , , , , , , , , , , ,

Deixe-nos o seu comentário

Terá que preencher todos os campos obrigatórios. Utilize palavras adequadas. O seu e-mail não será publicado.

Poderá utilizar Gravatar.

Poderá utilizar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Obrigado pela sua visita!
Não quer subscrever a nossa newsletter? É grátis!
guia + viagens - Receba no seu e-mail ideias e inspiração para as suas viagens.
Não mostrar mais