24/01/2017

Viagem de Avião: Como programar uma viagem com crianças

Publicado em 05/05/2012 por em Dicas de viagem

Foto de crianças a brincar atrás de guarda sol cor de laranja.

SanShoot

Muitos de nós, um dia, já sonhamos ser comandantes de avião, uma ideia que ainda hoje habita o imaginário infantil e que faz com que na hora de viajar esta seja uma experiência verdadeiramente empolgante para qualquer criança. Contudo, tanto entusiasmo pode ser sinónimo de uma dor de cabeça para os pais e até para os restantes passageiros. Acreditando que as birras ficarão no aeroporto, nunca é demais relembrar algumas dicas cruciais para quando se viaja com a pequenada. É isso que vamos ver neste artigo: a melhor forma de programar uma viagem de aivão com crianças. Informações que valem a pena e que deverá guardar para quando precisar.

Acompanhe este artigo sobre o tema viagem de avião, que reúne muita informação sobre este assunto. Vale a pena.

 

Bebé (dos 7 dias aos 2 anos)

Foto de bebe com mão na boca.

christina rutz

O avião é um meio de transporte que poderá ser utilizado para viajar desde o primeiro ano de vida, pois a altitude não contribuirá para causar problemas na saúde dos bebés, contudo recomenda-se que não viagem crianças com menos de 7 dias, preferencialmente 15.

Antes de Viajar

Viajar de avião requer um planeamento prévio, então quando viajamos com bebés ou crianças, requer uma preparação ainda mais pormenorizada para que nada seja esquecido e para que, acima de tudo, esteja o seu conforto e o das suas crianças.

São 3 os aspetos a ter em conta antes de viajar.

Escolha do Destino e a hora da sua viagem

Adeque o destino à idade do seu bebé, tendo em conta se os locais que pretende visitar permitem a entrada de crianças. A temperatura do país escolhido também deverá ser tida em conta.

Tente escolher viagens mais curtas e se possível evite voos com escala. Caso não seja possível beneficiar de um voo direto tenha em atenção o tempo da escala.

Em relação à hora do voo opte por escolher as horas que beneficiem a sua criança, por norma de manhã ou na hora de almoço.

Ida ao Médico

Antes de viajar consulte um pediatra para se certificar de que o seu bebé está apto a fazer a viagem.

Informe o médico do destino e da duração do voo, pois poder-lhe-ão ser fornecidos conselhos úteis que favoreçam o bem-estar do seu filho.

Tenha igualmente em conta o plano de vacinação do viajante adequado aos país que irá visitar e às necessidades do seu bebé.

O que levar na bagagem de mão

Leve toda a documentação necessária incluindo a exigida no país de destino.

Caso tenha seguro de saúde e acidentes pessoais que englobe a sua família informe-se junto da seguradora se o mesmo cobre alguma eventualidade que suceda no estrangeiro, caso se verifique leve os documentos necessários.

A bagagem de mão é crucial para fornecer ao seu bebé tudo o que ele necessita durante as horas em que se viaja na cabine de um avião, como tal opte por organizar por ordem de utilidade os itens fundamentais.

Assim, guarde os elementos de primeira necessidade na mesma bolsa.

Na bolsa dedicada à higiene do seu bebé não podem faltar fraldas, toalhitas, pó de talco, pomadas, um protetor acolchoado para mudar a fralda, bem como uma muda de roupa para algum inconveniente que possa surgir.

Escolha uma outra bolsa dedicada à alimentação do seu bebé, incluindo o biberão e leve consigo uma mini farmácia, mas atenção às regras de bagagem de mão.

Para mais informações sobre bagagem de mão visite este artigo que explora com mais profundidade esse tema.

No aeroporto

Chegue com antecedência, pois quanto mais pequena é a sua criança, mais bagagem transportará.

No check-in informe que viaja com bebé e se leva consigo cadeirinha ou o berço. A fralda do bebé deverá ser mudada antes de embarcar.

No avião

Se tiver possibilidade atrase a refeição do seu bebé e alimente-o já no avião, porque se o fizer antes este poderá adormecer e acordar rabugento.

Utilize uma cadeira de bebé, a qual deverá ser aprovada pela companhia aérea. Muitas delas vêm com um rótulo que indicam se são aprovadas.

Na descolagem e na aterragem é conveniente que dê o biberão, amamente ou coloque a chucha ao seu bebé por causa da pressão, o que ajudará em relação ao ouvido interno.

Poderá também considerar a possibilidade de administrar um descongestionante nasal ao seu bebé, antes e depois da viagem.

Ir dando água ao bebé para que se mantenha hidratado também é importante.

Criança (dos 2 anos aos 12 anos)

Foto de miúdo a brincar.

Tony Tran

Antes de Viajar

Nestas idades viajar de avião pode ser um atrativo, sobretudo quando se trata da primeira vez.

Na verdade, se for a primeira vez em que a sua criança viaja de avião, essa experiência poderá contribuir para que o seu filho tenha ou não medo em viagens futuras.

Deste modo, é importante tentar tornar esta aventura num momento de descoberta positiva.

Se gostaria de saber mais sobre a temática do medo de voar, veja este artigo, que o explora mais a fundo.

Aqui, são 3 os aspetos a ter em conta antes de viajar.

Escolha do Destino e a hora da sua viagem

O destino deve ser adequado à idade da sua criança, assegurando que no seu roteiro de viagem deverá incluir algumas atrações para o seu filho, fator que o levará a ficar ainda mais entusiasmado e que fará com que o possa manter calmo durante as horas de voo.

Não se esqueça que, dependendo do país para o qual viaja, poderão existir locais onde a entrada está vetada a crianças a partir de determinada hora.

Poderá optar por voos noturnos, para não alterar o ritmo de sono do seu filho e esta será uma dica útil para evitar possíveis birras.

Ida ao Médico

A ida ao pediatra é igualmente importante para crianças entre os 2 e os 12 anos, afinal uma leve constipação poderá ser motivo suficiente para tornar a descolagem e a aterragem num momento doloroso, devido às dores de ouvidos que a pressão lhes poderá causar.

O que levar na bagagem de mão

Neste caso a bagagem de mão deverá ser adaptada consoante a idade do seu filho. Certamente uma criança de 2 anos não terá as mesmas necessidades que uma criança de 12.

Por isso, caso o seu filho utilize carrinho e cadeirinha de bebé utilize as dicas mencionadas em cima. Os documentos não podem ser igualmente esquecidos.

Outro dos fatores cruciais será levar entretenimento para que as crianças possam manter-se distraídas e ocupadas.

No aeroporto

Chegue com a devida antecedência ao aeroporto, pois se a sua criança já é mais crescida vai ficar entusiasmada e querer explorar o aeroporto.

Antes de embarcar leve o seu filho à casa de banho, caso use fralda mude-a.

Evite dar alimentos que possam deixar o seu filho mais agitado, por exemplo Coca-Cola.

No avião

Leve guloseimas (bolachas e rebuçados são por norma boas opções), pois serão um dos antídotos para manter o seu filho entretido.

Para além deste facto, serão úteis para que a alteração da pressão não afete os ouvidos da sua criança e como tal deverão ser deglutidos durante a descolagem e aterragem.

Aproveite e tenha sempre por perto um saco para os enjoos, pois poderá ajudá-lo numa situação de emergência.

O entretenimento é fundamental para diminuir os índices de impaciência e inquietude dos seus filhos.

Deste modo, leve alguns brinquedos, divertimentos portáteis e livros para que se distraiam. Se lhe comprar um brinquedo novo no aeroporto acrescentará o fator novidade o que poderá ter as suas vantagens.

Nota: Peça informações junto da agência de viagens e da companhia aérea sobre as facilidades e serviços existentes para quem viaja com crianças, na medida em que podem estar abrangidas facilidades que englobem comida e acomodação especiais, ou até a deslocação até ao avião. Tenha em conta, na hora do embarque, que as crianças com menos de 12 anos têm, geralmente, atendimento preferencial.

E depois da aterragem, que venha o divertimento

Passadas algumas horas na cabine de avião retire o melhor do país que visitar e torne a sua viagem num momento épico tanto para si como para as crianças.

Afinal, viajar para outro país é sempre um momento inesquecível e entusiasmante.

As crianças são o melhor do mundo e viajar com elas também o é, mas será mesmo? Se já viajou com o seu filho conte-nos como foi.

Deixe-nos também o relato das suas experiências divertidas, ou até constrangedoras, na caixa de comentários.

Texto escrito de acordo com o novo acordo ortográfico.

Tags: , , , ,

Deixe-nos o seu comentário

Terá que preencher todos os campos obrigatórios. Utilize palavras adequadas. O seu e-mail não será publicado.

Poderá utilizar Gravatar.

Poderá utilizar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Obrigado pela sua visita!
Não quer subscrever a nossa newsletter? É grátis!
guia + viagens - Receba no seu e-mail ideias e inspiração para as suas viagens.
Não mostrar mais