15.715 quilómetros em 16,5 horas. Boeing quebra recorde do maior voo doméstico da História

Um avião Boeing 787-9 Dreamliner da companhia aérea francesa Air Tahiti Nui percorreu uma distância de 15.715 quilómetros em 16,5 horas, marcando um novo recorde do maior voo doméstico de passageiros da História.

Anteriormente, de acordo com a emissora francesa BFMTV, este voo operava a rota Papeete-Paris com um reabastecimento em Los Angeles. No entanto, após a decisão das autoridades norte-americanas de fechar a entrada da Europa, a Air Tahiti Nui decidiu fazer um voo direto.

Para isso, a Air Tahiti Nui teve de transportar menos passageiros e bagagem a bordo. Além disso, o voo também foi possível graças a um forte vento de popa. No entanto, pelo mesmo motivo, não foi possível fazer o voo de volta.

Assim, o voo da companhia francesa quebrou o recorde do voo da Singapore Airlines entre Singapura e Newark, cobrindo 15.343 quilómetros.

Em novembro, um voo da Qantas entre Londres e Sydney cobriu 17.800 quilómetros. Porém, apesar de o voo da Qantas ter levado passageiros, estes foram convidados e não pagaram pela passagem, sendo um voo de teste – e não um legítimo voo “comercial” como o da Singapore e agora o da Air Tahiti Nui.

O voo mais longo do mundo será único. A partir de agora, a Air Tahiti Nui planeia operar este voo com uma escala técnica para reabastecer em Vancouver, no Canadá, ou na ilha de Guadalupe, em França.

ZAP //

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here