“Turismo do sono” é a última tendência no setor do bem-estar (e já há resorts dedicados a isso)

O turismo do sono é a última tendência no lucrativo setor de bem-estar. O programa de aprimoramento do sono conduzido por médicos no Canyon Ranch, nos Estados Unidos, quer mostrar que dormir tem de ser levado a sério.

De acordo com o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças, um em cada três adultos não dormem o suficiente. De acordo com a especialista em sono, Alison Francis, está na hora do sono ser levado a sério. “A forma como as pessoas vivem e o stress que sofrem suprime as hormonas do sono”, afirmou Francis, que administra os seus próprios retiros particulares em todo o mundo, em declarações ao OZY. “A menos que possamos regressar a algum tipo de equilíbrio do ser humano, [a privação do sono] é apenas uma epidemia.”

Embora os efeitos da privação do sono sejam feios, os destinos de retiro nos quais pode lidar com isso são tudo menos isso. Maurícia, Suíça, Espanha e sudeste da Ásia são apenas uma amostra das escapadelas de sono populares.

No Golfo da Tailândia, o resort de bem-estar da ilha Kamalaya Koh Samui oferece aos hóspedes pacotes de aprimoramento do sono de cinco, sete ou nove noites. Lá, os mentores de bem-estar ajudam os hóspedes a adotarem hábitos saudáveis, como a criação de rituais noturnos. Massagens com vista também ajudam.

Mas não é preciso viajar pelo mundo para dormir melhor em lugares exóticos. As redes de hotéis estão já a capitalizar o turismo de sono. Por exemplo, a Westin Hotels, nos Estados Unidos, oferece um “menu de sono” de 24 horas com seleções destinadas a promover uma sesta de qualidade – por exemplo, salmão selvagem grelhado com quinoa de nozes.

Já no Canyon Ranch, palmeiras e catos são os vizinhos dos hóspedes. O sereno resort de bem-estar de 607 metros quadrados oferece ioga com vista para o deserto e caminhadas tranquilas pelas montanhas de Santa Catalina. Porém, algumas das experiências mais transformadoras do Canyon Ranch acontecem quando os olhos estão fechados.

Os hóspedes têm duas opções de treino para dormir. O primeiro é um teste de triagem do sono no local, onde se adormece com o equipamento de sono aprovado pela Food and Drug Administration para rastrear períodos de agitação. Para uma abordagem mais completa, o hóspede pode participar num estudo noturno do sono, em que o médico monitoriza e analisa o sono em tempo real.

O Canyon Ranch, de 40 anos, um dos primeiros refúgios de bem-estar nos Estados Unidos, oferece programas de sono orientados por médicos. A estadia no resort não é barata – custa, no mínimo, cerca de 1.400 euros por noite, o que inclui refeições, aulas, atividades e um crédito diário de 145 euros para serviços como massagens e tratamentos corporais ou tratamentos individuais com médicos.

Pagar milhares de euros apenas para dormir pode levantar algumas críticas, mas a experiência é mais do que descansar, acordar, relaxar e repetir. Os médicos certificados pelo conselho da instituição analisam o sono e elaboram planos para ajudar os hóspedes a superar problemas como apneia do sono, insónia, síndrome das pernas inquietas e sonambulismo, além de outros problemas de saúde, incluindo dor crónica, menopausa, saúde do coração, saúde cerebral, stress e luto.

“Quando tivermos um diagnóstico ou fator-chave, poderemos abordar as oportunidades físicas, mentais, emocionais e espirituais em direção a uma melhor saúde”, explicou Param Dedhia, diretor de medicina do sono do Canyon Ranch. Isso pode significar fazer mais exercício, comer refeições equilibradas, aproveitar o sol da manhã e reduzir a exposição à luz azul dos smartphones hábitos positivos de higiene do sono fáceis de praticar em casa.

A experiência vale o dinheiro? Na CES 2020, a Withings anunciou que o seu ScanWatch vai rastrear a apneia do sono através de sensores de SpO2 – saturação de oxigénio. O relógio foi submetido ao FDA e a empresa antecipa um preço entre 220 e 270 euros. O lançamento está previsto para meados de 2020. Este tipo de dispositivo pode significar testes de retiro de sono sem preços de retiro de sono.

ZAP //

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here