Capital da Lituânia transforma-se em cidade-esplanada

A capital da Lituânia, Vilnius, vai transformar a cidade num café ao ar livre, cedendo grande parte do espaço público a proprietários de cafés e restaurantes.

Vilnius vai abrir a cidade à restauração. Remigijus Šimašius, presidente da câmara local, anunciou que cafés e restaurantes vão poder usar o espaço público predeterminado por toda a cidade sem prejudicar o distanciamento do social recomendado em plena pandemia de covid-19.

Vamos ajudar a manter Vilnius viva“, disse o governante, adiantando que estes estabelecimentos vão poder usar as esplanadas desde que cumpram regras rigorosas de segurança e distanciamento mínimo entre clientes.

Os proprietários dos espaços de restauração tinham grandes reservas em abrir ao público, devido ao facto de os espaços de esplanadas legais e concessionados serem, em grande parte dos casos, muito pequenos. Abrir um restaurante com uma ou duas mesas não compensaria, relata o The Guardian.

No entanto, Šimašius arranjou uma solução: abrir ruas, praças e largos às esplanadas. “Abrimos desde já todos os espaços públicos da cidade às esplanadas dos cafés: praças, largos, ruas; os cafés perto destes locais poderão colocar mesas sem qualquer taxação ou licença paga durante toda a temporada e assim conseguirem trabalharem.”

Para já, foi confirmada a abertura de 18 áreas públicas da capital da Lituânia. Foi ainda lançado um projeto para os clientes apoiarem os seus locais de preferência, com aquisição prévia de serviços, comidas, bebidas em forma de vouchers que poderão ser usados depois.

Isto ajudará os sítios a sobreviverem. Eu próprio já fiz isto com o meu bar local. Celebraremos todos juntos quando isto terminar”, resumiu Šimašius, pedindo responsabilidade e tolerância aos cidadãos. “Se houver alguma mesa de café ao ar livre no seu caminho, não fique com raiva. Essa mesa está a ajudar alguém a manter o seu emprego.”

A Lituânia foi dos primeiros países europeus a avançar com medidas de contenção do surto em fevereiro. A declaração de emergência foi emitida no dia 26, com o país a entrar em quarentena a 16 de março. O país conta com 1.385 casos positivos de covid-19 e 45 mortes (dados confirmados no dia 30 de abril).

ZAP //

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here